Obesidade em cães de companhia




Apesar de cada vez mais reconhecida como um problema, a obesidade em animais de


companhia é uma realidade crescente.


Como é que acontece?

Existem vários fatores que contribuem para a obesidade. Entre eles destacamos o:

  • Sedentarismo

  • Má alimentação (em quantidade e qualidade)

  • Excesso de “petiscos”

  • Predisposição racial e individual

Vamos focar-nos na alimentação.

A escolha da alimentação dos nossos animais deve adequar-se ao tipo de vida e ao seu próprio metabolismo. Só desta forma teremos a certeza que além de não faltar nenhum nutriente importante, não estamos a sobre alimentar o nosso animal.

O erro mais comum é alimentar em excesso. Isto acontece ou porque o cão/gato pede mais ou porque o próprio tutor (com ou sem consciência) exagera na dose diária de alimento. Além da quantidade a mais, muito vezes os animais são alimentados com rações extremamente calóricas, com elevado teor em hidratos de carbono o que não se adequa ao seu metabolismo normal. A acrescentar a estes dois problemas, temos os snack e petiscos ao longo do dia.

Porque é que a obesidade é um problema?

O excesso de peso condiciona brutalmente a qualidade de vida dos nossos animais. Sabemos que, em média, animais obesos vivem cerca de menos 2 anos que animais semelhantes com condição corporal normal. A obesidade predispõe para:

  • Patologia articular

  • Patologia cardíaca

  • Depressão do sistema imunitário

  • Patologia respiratória

  • Risco anestésico

  • ...


Como tratar?

O melhor tratamento é a prevenção! No entanto os nossos animais não estão sujeitos a fatores socio-culturais como nós o que, com uma alimentação adequada, torna mais fácil o processo de perda de peso.

A alimentação natural permite-nos formular uma dieta adequada a cada animal, tendo em conta a sua individualidade e as suas necessidades específicas. Além de muitas outras vantagens, é aqui que os alimentos comerciais não conseguem competir. Claro que é possível perder peso utilizando dietas comerciais. A pergunta é: a que custo?

É importante recordar que os nossos animais de companhia (cão e gato), são carnívoros na sua génese. Esse facto não muda consoante a alimentação que recebem.

A obesidade é uma doença. Como tal, para um plano de perda de peso com qualidade deverá existir um acompanhamento do ponto de vista da saúde e nutrição muito atento. Só desta forma podemos garantir qualidade e eficácia ao longo do processo.


1 visualização

Posts recentes

Ver tudo